Andar de moto é sempre muito prazeroso para quem ama pilotar, assim como a gente da TRX. Sozinho ou acompanhado, o momento em que estamos sobre a moto é sempre o melhor do dia. No entanto, algumas pessoas não gostam de andar com garupa. Seja por medo de expor a outra pessoa a algum risco ou por achar que o peso adicional atrapalha, alguns motociclistas preferem sempre andar sozinhos na moto.

Quanto ao medo, respeitamos a opinião, porém vale destacar que uma condução segura, com as técnicas adequadas, e a manutenção preventiva da motocicleta tornam os riscos drasticamente menores.

Aliás, mitigar riscos deve ser prioridade de qualquer forma, mesmo para pilotar sozinho. Por isso, começamos a nossa dica sugerindo fortemente que você faça um curso de pilotagem com a TRX, para que você aprimore a sua técnica e explore o máximo da sua moto com muito mais segurança e de maneira ainda mais prazerosa.

Outro ponto importante e que muitos pilotos negligenciam é o ajuste de suspensão. Pense o quanto um(a) garupa de aproximadamente 65 kg, somados a 10 kg de carga (top case e outras bagagens), influenciam em uma moto de 150 kg. Estamos falando de praticamente 50% do peso total combinado.

Portanto, é de extrema importância regular a pré-carga da mola, algo que é sempre feito na suspensão traseira de maneira simples. O manual do proprietário traz a informação de como fazer essa regulagem e informa o ajuste ideal. Faça isso pelo menos uma vez, anote no bloco de notas do celular, por exemplo, e sempre que for adicionar ou remover o(a) garupa, ajuste novamente. É preferível andar com a moto sozinho ajustada para a condição com garupa do que o inverso. Acredite, esse ajuste faz muita diferença na pilotagem. 

Uma outra dica é, caso você não tenha o manual e queira ter uma referência do ajuste para o(a) garupa, use uma parede branca como parâmetro. Pare a moto a cerca de 2 metros da parede e, estando sobre ela, peça para alguém marcar com uma caneta ou uma fita onde está o facho principal do farol baixo projetado na parede. Quando o(a) garupa subir, se a pré-carga não estiver ajustada, o farol irá subir. Peça então para o(a) garupa descer e regule a pré-carga. Peça para a pessoa subir novamente e veja se o farol agora está projetando no local marcado na parede. Se não estiver, ajuste um pouco mais até atingir o objetivo.

Com a suspensão ajustada, raramente você vai precisar regular o farol. Se for necessário, siga a orientação do manual do proprietário. Normalmente as motos mais simples não possuem opção de regulagem de farol.

Agora vamos falar das “capacetadas”? Quem nunca, não é verdade? Isso acontece pela falta de suavidade nas trocas de marchas e/ou frenagens, que projetam o (a) garupa para a frente. Para evitar problemas durante a frenagem, basta usar o freio traseiro com mais potência quando estiver com garupa. Isso porque com o peso extra existe uma maior área de contato do pneu traseiro no solo e o freio traseiro evita o efeito "catapulta" que é causado pelo peso do garupa. Aumente o uso do freio traseiro e boa parte do problema estará resolvido.

Na hora em que estiver ganhando velocidade, estabilize a rotação e consequentemente a velocidade antes de subir marcha. Isso faz com que o corpo não se desloque pela inércia e evita as “capacetadas’. 

Uma outra dúvida bastante frequente é a pilotagem com garupa em situações fora de estrada. A nossa recomendação, além de tudo o que escrevemos acima, é o(a) garupa sempre ficar sentado, enquanto o piloto pode se posicionar em pé, que é o mais adequado nesses ambientes. Assista um vídeo sobre o tema na nossa série Dicas for The Ride.

Em suma, pilotar acompanhado aumenta o seu grau de responsabilidade, mas diferentemente do que alguns pensam, não atrapalha em uma condição normal. Basta ajustar a suspensão e ter habilidade e técnicas de pilotagem que te permitam lidar com as situações de forma adequada.

Temos diversas formas de te ajudar com cursos de pilotagem on e off/road, além do curso de planejamento de viagens e mecânica, que vai te ensinar a preparar a moto e regular as suspensões para encarar quaisquer condições!


A gente se vê na estrada!